quinta-feira, 22 de março de 2012


Era perfeito! sua sensibilidade a encantava de uma forma na qual não sabia explicar... seu sorriso a deixava feliz, seu abraço a confortava, sua dor a fazia sofrer..
Eram interligados de uma maneira que ninguém explicava, só um olhar já bastava para interpretar os mais profundos sentimentos ou os pensamentos mais íntimos.
Se de manhã ela pensava nele, na mesma hora ele dava um jeito de se comunicar, seja por telefone, por email, ou até por sinal de fumaça...
Que ela o amava não restava duvidas, pois dormia sentindo seu cheiro e imaginando os momentos que poderiam passar se ela não fosse tão covarde e lhe dissesse que a vida inteira se pegou sonhando e traçando planos de uma vida inteira feliz ao seu lado.
Talvez o medo maior era o da resposta, acabando assim com seus sonhos e imaginações "quase" secretas.
Ora, quase porque ela não sabia mais como disfarçar, não haviam mais recursos para poder fazer isso bem, como fazia no começo!
Se pegava olhando para ele, sonhando acordada...
Quem sabe dizer "EU TE AMO" já não era o suficiente?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

You'll tell anyone who'll listen, but you feel ignored and nothing's really making any sense at all, LET'S TALK, LET'S TALK!