quinta-feira, 22 de abril de 2010


Ele fora embora fazia algum tempo. E a vida dela havia continuado, apesar da dor intensa que ele havia deixado em seu coração.
Ela não sabia, mas ele havia a deixado por causa de uma proposta irrecusável de emprego que ele havia recebido, e não queria que ela deixasse sua vida glamourosa para seguir com ele em busca do desconhecido.
Ela era editora-chefe de uma revista, e ele um escritor fracassado de livros.
Mas com essa proposta de trabalho, ele foi para a capital do estado no sul do país. Uma editora que havia se interessado pelo seu trabalho, queria publicar de qualquer maneira. Mas ele tinha que abrir mão de seu amor, para não vê-la infeliz.
Sentia muito, seu coração estava em pedaços haviam 6 meses, assim como ela. Conhecera várias mulheres, mas por nenhuma delas sentiu o que sentia por ela.
Seu livro estava prestes á ser publicado, e ele enfim podia voltar, mas sabia que não a encontraria esperando por ele.
Ainda tinha a chave da casa, escreveu um bilhete e deixou em cima da escrivaninha dela.
Chegando em cada , viu um papel rosa chamativo em cima de sua mesinha e leu:
" Você é, e sempre será o meu amor. Não consigo viver sem você mais! Gostaria de poder te explicar o porque da minha partida... Mas, é claro, se eu tiver uma chance. Sei que você não me ama mais, mas queria te explicar e deixar tudo claro. Eu ainda te amo, me desculpe.
Te espero no hotel 'Voyage' ás 19 horas..."
Seu coração batera mais rápido, ainda sabia que seu amor estava ali, guardado em seu peito.
Se arrumou, pois nunca é tarde para dar uma chance á quem se ama e ser feliz.
Vestiu o vestido preto mais bonito e sexy que já havia visto, era o preferido dele.
Chegando no hotel, esperou na recepção até que ele descesse.
Ao a vista-lo, se as emoções tivessem forma estava materializada naquele momento.
O abraço, de uma maneira desconhecida por ele. Estava tremendo.
O olhou, e perguntou o porque da sua partida.
Ele se explicou, e as lágrimas caíram simultaneamente.
- Eu te amo - Disseram os dois ao mesmo tempo.
E então subiram ao quarto, e fizeram juras de amor durante toda a madrugada.
Ele nunca mais a deixaria, e ela nunca mais deixaria de ir atrás dele.
Foram feitos um para o outro.

"E agora, como eu passo sem te ver?
Se o seu nome está gravado no
Meu braço como um selo?
Nossos nomes que tem o "N"
Como um elo. E agora como posso te perder?
Se o teu corpo ainda guarda o
Meu prazer?
E o meu corpo está moldado com o teu?"

Nando Reis - N

19 comentários:

  1. Vim parar aki, meio por acaso.. Mas gostei.

    Wow... É você quem escreve essas histórias??

    Se for, muito bom seu trabalho. ^^ Continue assim.

    Até mais.. o/

    ResponderExcluir
  2. Imaginei a cena todinha. Lindo, maravilho post! :D
    te amo prima. e como de costume... tá escrevendo super bem! *-*

    ResponderExcluir
  3. "Ele fora embora fazia algum tempo. E a vida dela havia continuado, apesar da dor intensa que ele havia deixado em seu coração."

    isso parece tanto comigo!
    Nossa... foi fundo, muito fundo!

    Adoro, essa música do Nando, gosto mais que de amendoim, rsrs

    Menina, aqui lindo como sempre!
    bjos querida
    bom restinho de semana!

    ResponderExcluir
  4. Adorei seu blog :D

    Muito perfeito *-*

    Vou seguir!

    ResponderExcluir
  5. muito bonito, muito verdadeiro! :)

    ResponderExcluir
  6. muito bonito *-* tb imaginei a cena.

    também estou te seguindo, e obrigada por seguir o meu :) beijos

    ResponderExcluir
  7. nossa, mt bonito *-*

    também estou te seguindo, e obrigada por me seguir :)
    bgs.

    ResponderExcluir
  8. Oii, obrigada por passar no meu blog!
    Adorei o seu, me senti em casa =)
    beijos <33

    ResponderExcluir
  9. que lindo anjooo *-* amei a musica de nando reis, acho muito foda as musicas dele.

    ResponderExcluir
  10. Nossa que bonito!
    Adorei, o amor nunca sairá de moda!
    Vou te seguir.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Ah, que bela história,
    é assim mesmo, às vezes,
    é na hora da partida que
    vemos que devemos ficar.

    Um Beijo pra ti.

    *

    ResponderExcluir
  12. aaai que lindo! também to seguindo :D beeijo :**

    ResponderExcluir
  13. O amor nunca se perde!

    Que lindo Amanda!

    Um beijo da Ju

    ResponderExcluir
  14. Mas que maravilhoso, que maravilhosa escrita meu anjo, estarei sempre por aqui pra vivenciar este teu dialeto tao magnanimo, meus beijos!

    ResponderExcluir
  15. AAh que escrita mais linda meu beem, que lindo o texto, meus parabens, beijoos ♥

    ResponderExcluir
  16. Que lindo, guria! Adorei..A música do Nando Reis no final embalou totalmente os feelings do post..hahahaha
    Beijoca!

    ResponderExcluir
  17. Aah que maravilhosa escrita meu anjo, adorei.
    Meus beijos! ♥

    ResponderExcluir
  18. Um amor de verdade suporta a distância, e sempre perdoa.

    (;

    ResponderExcluir

You'll tell anyone who'll listen, but you feel ignored and nothing's really making any sense at all, LET'S TALK, LET'S TALK!